De tanto curtir a infância dos meus, não pude deixar de registrar as pérolas dos mesmos ao longo dos anos. E nosso amigo Melado, do coração, vai aos poucos transformando em arte cada pequena história das crianças. Logo, logo, ou nem tão logo, pois as coisas aqui não são feitas tão às pressas, teremos um livro bem gostoso para palpar.